4 motivos que levam o cão a latir no portão

O latido é a forma mais comum para os cães se comunicarem, latir, para eles, é como se fosse o nosso falar. Assim como nós, existem uns pets mais tagarelas que os outros, mas às vezes eles costumam latir demais e sem motivo aparente, o que acaba se tornando um problema para o tutor, principalmente os cães que costumam latir muito nos portões e incomodam a vizinhança.

É comum que os tutores tentem apenas silenciar os pets, mas é importante tentar entender o motivo de tanto latido, o que pode ajudar a fazer com que esse hábito diminua.

Foto retirada pelo Unsplash

Cães que latem por estresse

Alguns cães podem se sentir ameaçados por pessoas, animais, carros, motos ou qualquer outra coisa que passe na frente do portão, é comum ter momentos de estresse. O ideal é mudar o pet de lugar, se possível, ou usar algo no portão que bloqueie sua visão da rua. Assim ele não ficará tão agitado com o que não consegue ver.

>> Veja também: Guia para cuidar da pelagem do pet

Falta de bem-estar

Se o seu cão passar muito tempo sem comida, água, no frio, estiver com dor ou doente, provavelmente ele usará o latido como forma de comunicação para reclamar e tentar chamar a atenção do tutor para o que está incomodando. Por isso, é necessário se atentar as condições de saúde e bem-estar do seu pet, pois todos os tutores possuem obrigação de proporcionar qualidade de vida e cuidar dos nossos bichinhos.

Latir por tédio

Para os pets que não conseguem liberar toda sua energia, se sentem entediados, ansiosos ou sozinhos, é comum usarem o latido como forma de distração, como um comportamento auto satisfatório, por falta do que fazer.

Uma ótima solução é deixar brinquedos para o pet, principalmente os interativos como garrafas pets com petiscos ou comida. Quando estiverem juntos, fazer com que o pet gaste bastante energia, o leve para fazer atividades e exercícios, assim quando chegar a hora de deixá-lo sozinho, ele irá querer apenas descansar.

>> Veja também: Vantagens de escolher um cão adulto!

Alertar o tutor

Esse tipo de latido pode ser considerado algo positivo, caso o pet veja algum intruso ou algo de suspeito esteja acontecendo ele irá latir para tentar avisar o seu dono e chamar atenção de alguma forma.

Contudo, é necessário que o tutor avalie se esses latidos são realmente necessários ou pet está confuso. Neste caso, o dono pode ensinar comandos ao cão para cessar os latidos caso não sejam necessários. Isso pode ser difícil e demanda tempo, mas com treinamento regular, é possível!

Treino: Comece o treinamento quando o pet estiver bem calmo e em um ambiente tranquilo. Incentive-o a latir e depois dê o comando de voz “quieto” e mostre um petisco, assim que ele parar de latir, dê o petisco a ele.

 

Simule aqui um Plano de Saúde para seu Pet!

[contact-form-7 404 "Not Found"]

Referência: Revista Cães & Cia, ed. 470, pág. 48.

banner cta

One Response to “4 motivos que levam o cão a latir no portão

Deixe um comentário