fbpx

Dicas e cuidados para viajar com seu PET

Pet de Férias - Doutor Pet - Planos de Saúde para Cães e Gatos
Pet de Férias
Pet de Férias

Quem tem um animal de estimação sabe a preocupação que vem na hora de viajar. Deixar em casa, hotelzinho ou levá-lo? Quem faz parte da Família Dr Pet pode contar com o atendimento nacional de veterinários de confiança disponíveis para seu melhor amigo e por isso têm mais tranquilidade e segurança na hora de viajar na companhia de seu querido amigo.

 

Separamos algumas dicas para viajar com seu pet

 

  1. Vacinação: proteja seu animal

Uma das coisas mais importantes é estar atento as regras quanto às vacinas e seus atestados, sem elas muitas empresas de transporte não irão permitir o embarque do seu pet, o mesmo acontece com hotéis que não vão hospedá-lo se tudo não estiver em dia.

 

Isso é uma segurança para todos envolvidos.

 

O melhor a fazer é, antes de organizar a viagem, consultar um médico veterinário que vai atualizar a carteirinha de vacinação e gerar o atestado de saúde. Na Dr Pet as vacinas estão disponíveis em todos os planos ofertados.

 

  1. Paradas programadas ao viajar com pet

Com seu companheiro junto as paradas necessárias deverão ser em maior número. Afinal, diferentemente de você, ele não tem plena liberdade sobre quando parar e nem todos os animais conseguem manifestar suas necessidades fisiológicas.

 

A cada 2 ou 3 horas é importante deixar seu pet sair um pouco do carro para fazer suas necessidades, beber um pouco de água ou apenas para se esticar.

 

  1. Caixa de transporte: segurança ao viajar com pet
    Pet na caixa de transporte
    Pet na caixa de transporte

Quando optamos por transporte aéreo ou rodoviário é necessário que seu pet viaje em caixas especiais para transporte, e nesta hora não adianta escolher a caixa apenas pela cor ou modelo, atentar para o tamanho e peso do seu bichinho é fundamental.

 

Lembre-se: este vai ser o habitat dele durante toda a viagem. Ah, e há caixas para cães e gatos, essa diferenciação é um detalhe importante.

 

Deixe um brinquedo e um paninho dentro da caixa, assim, você deixa a viagem dele mais aconchegante.

 

Caso vocês forem viajar de carro próprio, além da caixa de transporte, existem cintos de segurança pet adaptáveis para seu amigo ir seguro no banco de trás.

 

  1. Alimentação: cuidados especiais para animais de estimação em viagem

Viajar com pet significa estar atento também a uma alimentação especialmente pensada para as horas de locomoção e para a particularidades do meio de transporte.

 

Não o alimente até 3 horas antes da viagem para inibir enjoos e durante o percurso evite também alimentá-lo demais para evitar defecação.

 

Isto impacta na quantidade de paradas que você precisará realizar ao longo do trajeto e evitará transtornos para o animal em caso de viagem de ônibus ou avião.

 

  1. Identificação do animal de estimação
    Dog com Tag
    Dog com Tag

Nós sabemos que em uma viagem tudo pode acontecer, inclusive ele sair sem avisar, por isso é muito importante que sua coleira seja identificada com pelo menos 3 itens:

 

  • Nome do pet
  • Nome do tutor
  • Telefone do tutor

 

Isto facilita e muito o reencontro caso alguma eventualidade aconteça.

 

  1. Rotina das férias

Chegaram ao destino e agora é hora de aproveitar ao máximo, isto significa planejar roteiros de férias que incluam seu pet.

 

Se seu pet não é acostumado a caminhadas longas ou ao calor e frio excessivos, e se você deseja muito seguir com este tipo de atividade, deixe-o no hotel ou faça adaptações para incluí-lo.

 

Viajar com pet exige cuidados, mas rende também boas memórias junto àqueles que são nossos grandes companheiros, boa viajem a toda família!

Pet com a família
Pet com a família
você pode gostar também
Tags: , , , , ,

Mais postagens semelhantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu