fbpx
Nenhum comentário

De onde vem o hábito dos gatos de comer grama?

Os bichanos não são lá os animais com maior interesse em um cardápio variado, mas vira e mexe é possível encontrá-los comendo grama! Hoje, a ciência finalmente nos explica de onde vem essa sua mania felina.  

Dor no estômago e mal estar? Ao contrário do que acredita a crença popular, a história não é beeeem assim. Pesquisadores da Universidade da Califórnia, nos EUA, decidiram investigar o hábito dos gatos de comer uma saladinha na hora do almoço (que pode ser diferente da nossa no fuso-horário felino) e acreditam ter respostas surpreendentes para essa questão. 

A pesquisa aconteceu com mais de mil tutores de gatos que observaram os seus bichanos por, pelo menos, três horas por dia. Ao conversarem com os participantes, os cientistas verificaram que 71% dos felinos tinham o hábito de comer grama, indicando que é um comportamento, no mínimo, muito comum para a espécie. Além disso, apenas 1 em cada 4 gatos vomitavam após terem ingerido a grama e, de todos esses, 91% pareciam completamente bem depois do ocorrido, de acordo com seus tutores.

Assim, os pesquisadores puderam logo observar que comer grama realmente não é um indicativo de problemas de estômago nos gatinhos. Mas qual é o motivo desse comportamento ser tão comum, então? 

Bem, a resposta está um pouco mais para baixo… Lá no intestino! Os cientistas formularam a teoria de que a fim de colocar para fora parasitas intestinais, os bichanos teriam desenvolvido esse hábito por estimular a atividade muscular no trato digestivo

E essa história não vem de hoje! Essa prática teria surgido láaaa com seus antepassados que ingeriam alimentos gordurosos e crus e, por isso, estariam constantemente expostos a vermes e parasitas indesejados. A prática foi parar no código genético dos felinos e assim permaneceu até hoje em nossos gatos domésticos. 

Então, não precisa se preocupar com o seu gatinho comedor de grama! É simplesmente coisa de família…

banner cta
você pode gostar também
Tags: , , , , , ,

Mais postagens semelhantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.

Menu