Bulldog Inglês x Americano – Saiba as diferenças

De origem britânica, os bulldogs eram cães de porte grande entre os séculos 17 e 18. Tinham habilidades para imobilizar touros e lutavam com animais de grande porte como ursos. Eram cães criados para combate. Porém, em 1835, a lei chamada “Cruelty to Animals Act” foi aprovada, fazendo com que brigas entre animais fossem proibidas. A raça ficou na lista negra, quase os levando à extinção.

Passado alguns anos, por meio de cruzamentos planejados entre raças, transformaram o cão briguento em um animal dócil e de companhia. Assim, foi criado o Bulldog Inglês. Já o americano foi criado a partir do tráfico de bulldogs para a América, ajudando com a pastagem de gados e na proteção de propriedades.

No ranking de raças, o Bulldog Inglês é o oitavo mais criado do Brasil, enquanto Bulldog Americano ocupa a 54ª posição. Como foram criados pensados em desempenho e não aspectos físicos, tinham variações de porte bem diferentes, o que repercute até hoje. Saiba as diferenças e semelhanças entre os dois:

Bulldog Inglês ganha em

  • É mais grudento, pede mais carinho e atenção;
  • Tem maior sociabilidade;
  • Menor necessidade de roer móveis quando filhote;
  • Menor consumo de comida.

Bulldog Americano ganha em

  • Ter mais energia;
  • Companhia animada, com disposição e demora para se cansar;
  • Menos problemas respiratórios por ter o focinho de comprimento médio;
  • Probabilidade de pegar menos doenças.

Empate em

  • Não latem! Mas podem roncar, bufar e rosnar para o que não se sentem confortáveis;
  • São teimosos. Gostam de estar no comando, sendo uma raça difícil de adestrar;
  • Pelagem simples de manter. Tem pouca queda de pelo e o banho pode ser administrado mensalmente.

O cruzamento dessas raças não é indicado para quem é criador. Mas para a procriação do Olde English Bulldogge (mistura de Pitbull, Bulldog americano e inglês) é permitida.

Referência: Revista Cães & Cia, ed. 442, pág. 20 à 25.

banner ctaPowered by Rock Convert

Deixe um comentário