Adaptar o felino a pets de outras espécies

Muitos sabem que os donos de gatos não se contentam com apenas um animalzinho, mas recentemente algumas pesquisas revelaram que tutores procuram ter animais de diferentes espécies. Gatos costumam ser sociáveis, mas com algumas limitações por serem muito independentes, por isso vamos te ajudar a socializar seu felino com outros animais que também queira ter, tornando o ambiente em que residem propício e seguro.

PACIÊNCIA

O primeiro passo para essa socialização é ter bastante paciência, pois o bom convívio pode demorar mais do que as pessoas esperam.

Os gatos são mais “teimosos” do que os cães para fazer amizades, devido a sua personalidade territorial. De certa forma, eles se sentem ameaçados por terem que dividir a atenção do tutor com o novo companheiro. Sendo assim, primeiro é necessário entender a personalidade de ambos os pets e identificar as características e necessidades de cada espécie.

QUANDO?

O melhor momento para que os pets se conheçam é até os 4 meses de idade. Essa fase costuma ser das descobertas, os são mais curiosos e menos medrosos. Já na fase adulta eles estão mais cuidadosos e apreensivos.

Tratando-se da convivência entre os felinos e suas presas naturais, para os gatos que não possuem instinto predatório o desafio é menor para encontrar harmonia na convivência entre eles. Em relação aos cães, essa experiência é mais fácil, podem não se tornar “melhores amigos”, mas vão conseguir dividir o ambiente com mais facilidade.

PREPARANDO O AMBIENTE

É importante que a casa também esteja preparada para a chegada e socialização dos pets. Todos os recursos essenciais como, água, comida, banheiro e brinquedos precisam ter acesso seguro para ambos os pets. Sendo que, pelos gatos serem bastante territoriais, não gostam de ser perturbados durante seus momentos de necessidade. Enquanto isso, os cães precisam ser treinados para obedecer aos comandos quando estiverem perto de outros animais.

Por isso, enquanto essa harmonia não estiver ocorrendo de forma correta, é necessário que o tutor acompanhe os pets nesses momentos críticos.

Simule aqui um Plano de Saúde para seu Pet!

[contact-form-7 404 "Not Found"]
banner cta

Deixe um comentário